Desleixo, palavra que resume situação do cemitério municipal


Desleixo, abandono são palavras que definem a situação do cemitério municipal de Muriaé. O que se vê é total descaso com o espaço público onde se encontram nossos entes queridos. De acordo com o administrador da gestão 2021, Elias Santos, são inúmeros problemas graves que compromete o local. Quanto o tocante a limpeza sinalou “muito mato, sinal de que a manutenção não vinha acontecendo com a periodicidade necessária, sem a realização de mutirões de limpeza, de capina das vias de acesso aos túmulos, atraindo, assim, animais peçonhentos. ”
O Demsur iniciou a capina nesta segunda-feira (11) com duas frentes de trabalho, equipe da TCK contratados composta de 14 homens e dos reeducandos 4 (parceria com a penitenciária), após uma semana intensa focada em atender os moradores das áreas atingidas pelas enchentes.

 

 

Leitor de Página Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support