Espaço do Aterro Sanitário é ampliado para receber os resíduos


O Diretor Geral do Demsur, Geraldo Júnior, acompanhado pelo Diretor de Águas e Esgotos, Gustavo Goretti e do Diretor Jurídico, Decidério Cardoso Júnior, estiveram, nesse final de semana, no Aterro Sanitário para acompanhar a implantação de mais uma célula no local. Esse novo espaço é uma ampliação da área total, cuja finalidade também será receber os resíduos que são recolhidos em Muriaé, diariamente.

Recentemente, foram comprados 5 mil metros quadrados de manta geomembrana. Essa manta tem a finalidade de evitar que todo chorume produzido no aterro tenha contato com o solo e com o lençol freático. O chorume é um resíduo líquido, com alta carga de poluente e coloração escura, por isso, periodicamente são feitas análises de coleta para acompanhar sua composição.

O material que está sendo instalado foi comprado no estado de São Paulo, através de processo licitatório, e faz parte de uma das fases de preparação da nova célula.

O Aterro Sanitário de Muriaé foi inaugurado em 2014 e recebe, diariamente, cerca de 77 toneladas de resíduos, respeitando todas as normas ambientais estabelecidas.

Para diminuir a quantidade de resíduos lançados no local, o Demsur está desenvolvendo diversos projetos de conscientização ambiental, tais como a ampliação da coleta seletiva e suporte às associações de catadores de materiais recicláveis. De acordo com a Engenheira Ambiental, Luisa Ferolla, a conclusão da instalação da nova célula está prevista para as próximas semanas.

 

Comentários

comentarios

Leitor de Página Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support